<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=542815619221093&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Que decepção! 10 gringos que não estão jogando nada no Brasileirão

conca-flamengo-nao-joga.png

Crédito foto: Gilvan de Souza/CR Flamengo

O número de gringos que chegam ao futebol brasileiro é sempre alto e com o fim do primeiro turno do Brasileirão já podemos dizer que alguns deram certo e outros foram uma grande decepção. Diante disso, a equipe do Esportudo.com relacionou, abaixo, dez nomes que não estão rendendo o esperado até aqui. Confira!

1. Darío Conca (Flamengo)

Chegou no início da temporada para ser um dos craques da equipe e formar um meio campo fortíssimo com o Diego, mas os problemas físicos e o longo tempo de férias fizeram com que o atleta não tivesse uma data para sua estreia oficial. Será que ainda falta muito tempo para isso acontecer? Eis a questão.

2. Miller Bolaños (Grêmio)

Miller-bolanos.jpg
Crédito foto: Getty Images

O equatoriano que fez boas partidas no ano passado com a camisa do Tricolor Gaúcho não está vivendo um bom momento, com lesões e problemas extracampo, ele não vendo sendo utilizado e pode estar de saída.

New Call-to-action

3. Diego Lugano (São Paulo)

sao-paulo-diego-lugano-colete-maos-alto-getty-950x715.jpg
Crédito foto: Getty Images

O ídolo tricolor chegou no ano passado, mas até aqui não emplacou uma sequência de jogos e sequer vem sendo relacionado pelo técnico Dorival Júnior, pois o Tricolor Paulista já conta com muitos estrangeiros no elenco e só pode relacionar cinco por jogo.

4. Fabián Noguera (Santos)

fabian-noguera.jpg
Crédito foto: Divulgação Site oficial do Clube

O zagueiro chegou à Baixada Santista após ser afastado do Banfield da Argentina, devido a uma desavença quanto a sua renovação de contrato. Além disso, o jogador não foi um pedido do então técnico Dorival Júnior e sim uma contratação da diretoria que acreditava no potencial do atleta.

Vale lembrar que Fabián estava há sete meses sem atuar quando chegou ao Santos e teve sua primeira oportunidade após três meses de recuperação. De fato, ele agradou em seu primeiro jogo, mas não conseguiu manter uma boa sequência de partidas e logo foi para o banco de reservas.

5. Beto da Silva (Grêmio)

beto-da-silva-1.jpg
Crédito foto: Divulgação Site oficial do Clube

O jovem peruano-brasileiro, que já teve passagens pelas categorias de base do Grêmio, chegou no começo do ano para ser uma opção ofensiva, mas acabou se lesionando e ficou por volta de 60 dias afastado. Quando voltou a tomar forma física, acabou se machucando novamente e até aqui foi pouco utilizado na equipe gremista.

6. Colin Kazim (Corinthians)

colin-kazim.jpg

O gringo da Fiel, como ele gosta de ser chamado, veio no começo do ano e chamou mais atenção pelo seu jeito brincalhão nas coletivas do que com o futebol apresentado dentro de campo. Muitos corintianos aliás preferem que o jovem Carlinhos, da base, seja o substituto imediato de Jô ao invés dele.

7. Damián Escudero (Vasco)

damian-escudero.jpg
Crédito foto: Divulgação Site oficial do Clube

Foi anunciado pelo presidente Eurico Miranda como ‘’presente de Natal’’ da torcida cruzmaltina, após uma ótima temporada pelo Vitória da Bahia, ajudando a equipe no acesso à Série A. Até aqui não teve boas atuações e vem sendo questionado pela torcida onde muitas vezes acaba nem sendo se quer relacionado.

8. Julio Buffarini (São Paulo)

DSC_0892_crop_galeria.jpg
Crédito foto: Divulgação oficial do clube

Há pouco menos de um ano, Buffarini desembarcou no Tricolor Paulista a pedido do então treinador Edgardo Bauza. Juntos foram campeões da Copa Libertadores de 2014 pelo San Lorenzo, mas não conseguiu reproduzir o bom futebol. Nunca foi titular absoluto do time e sempre alternou com o lateral Bruno. 

Com a chegada do técnico Rogério Ceni na equipe paulista, ele chegou a ser mais utilizado como titular, mas acabou perdendo espaço para o jovem Júnior Tavares. Recentemente o Boca Juniors demonstrou interesse na contratação e o jogador pode estar de saída do time do Morumbi.

9. Federico Mancuello (Flamengo)

mancuello-fla.jpg

O argentino chegou no início de 2016 como uma grande esperança de reforçar o meio de campo do Mengão. Fez bons jogos e gols importantes, atuou em diversas posições, mas caiu de rendimento e enfrenta até aqui uma forte concorrência no setor onde atua, principalmente depois da chegada de Éverton Ribeiro.

Com poucos jogos disputado no Brasileirão deste ano, Mancuello chegou a ser especulado em algumas negociações com os outros clubes brasileiros como Corinthians, São Paulo e Fluminense, e até mesmo em clubes sul-americanos.

facebook-de-esportes

10. Miguel Borja (Palmeiras)

borja-palmeiras-fail.jpg

Após ser decisivo na Copa Libertadores de 2016, o colombiano chegou ao Palmeiras com status de ídolo e foi uma das contratações mais cara da história do clube. Porém, com 31 partidas disputadas (sendo 17 como titular), ele fez até aqui apenas sete gols. Borja vem sofrendo com a pressão, mas a questão que fica no ar é: será que vai se recuperar e voltar a fazer gols como fazia no Atlético Nacional? Até aqui uma decepção.

E você, torcedor, acha que tem mais algum gringo no Brasileirão que não vem jogando nada? Comente com a gente!

Veja também:
Essas foram as 7 piores contratações do São Paulo na era Leco
10 atacantes do Palmeiras que a torcida não gosta de lembrar
De 1 a 11: Qual o pior Flamengo de todos os tempos?

Veja Mais Notícias Assim

Categorias: São Paulo, Corinthians, Flamengo, Grêmio, Palmeiras, Futebol brasileiro, Brasileirão, Santos FC, Atlético Nacional, contratações, campeonato brasileiro, Lugano, gringos, Vasco da Gama, Borja, piores contratações, Kazim, jogando, decepção, gringo

Kaique Thomaz

Escrito por Kaique Thomaz

Cursando publicidade e apaixonado por futebol.

Recent Posts

Lists by Topic

see all
New Call-to-action