<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=542815619221093&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Técnicos de base são o futuro ou retrocesso no futebol brasileiro?

tecnicos-de-base-futuro-ou-retrocesso-no-futebol-brasileiro.jpg

Crédito foto: Divulgação Flamengo | Rodrigo Coca

O Campeonato Brasileiro é de fato o torneio que mais troca de técnicos em todo o mundo do futebol. Para alguns, essas trocas constantes resultam em times aquém do que se espera e alguns fracassos.

Em um mercado cheio de técnicos antigos e considerados “medalhões”, que visam ir atrás de um time desesperado apenas para ganhar dinheiro, fazer um contrato longo e ser demitido para viver de multas rescisórias, ainda existem times que acreditam cegamente nas filosofias retrógadas e se baseiam em uma imagem vitoriosa que ficou lá atrás.

Os que se dizem “pensantes” da mídia tem contestado o fato dos times não usarem a base para formar jogador e ficar gastando 700, 800 mil reais por mês e aprovam o treinador que recebe 500, 600 mil reais. Num campeonato tão longo e que em três derrotas te faz perder o cargo. Alguns defendem que esses técnicos não têm “rodagem” para treinar um time tão grande, mas é aquela lógica né? Só ganha experiência treinando.

O Flamengo é o exemplo perfeito, os seus principais títulos vieram com técnicos do próprio clube. O ex-volante Andrade comandou durante o título brasileiro de 2009. Jayme de Almeida, além de ter realizado a proeza de conseguir fazer o Luiz Antônio jogar naquele meio-campo, levou o rubro negro ao título da Copa do Brasil de 2013 e mais dois estaduais.

Hoje, o time conta com várias estrelas no elenco. Guerrero, Sheik, Diego e por aí vai. Porém a estrela principal está no banco de reservas, o treinador Zé Ricardo tem feito um trabalho muito bom que tem culminando na briga direta pelo título do Campeonato Brasileiro 2016. O desacreditado treinador que tivera comandado o Flamengo na conquista da Copinha Sub-20 assumiu o comando depois de Muricy Ramalho teve que se afastar por problemas de saúde.

ze-ricardo-flamengo-tecnicos-de-base-futuro-ou-retrocesso-no-futebol-brasileiro-fla

Crédito foto: Gilvan de Souza | Flamengo

Outro que está mandando ver e indo muito bem é o treinador do Botafogo, Jair Ventura. Assumiu o Fogão no lugar do Ricardo Gomes que foi para o São Paulo. Uma mudança drástica no vestiário aconteceu e o time embalou uma sequência de cinco vitórias em seis jogos e o time que era cotado para lutar para se manter na primeira divisão, hoje briga pelo G4 do Brasileirão.

jair-ventura-tecnicos-de-base-futuro-ou-retrocesso-no-futebol-brasileiro-fogao-botafogo

Crédito foto: Vitor Silva/SS Press/Botafogo

Nem tudo no futebol tem soluções simples devidos a diversos problemas, mas aqueles que podem ser resolvidos, preferem sempre complicar.

E aí curtiu o nosso conteúdo? Comente sua opinião e fique ligado no Esportudo.com para saber mais sobre o seu esporte favorito!

Veja também:
Futebol não é feito apenas no campo; entenda
Por que o Flamengo tem a maior torcida do país? Entenda!
Saiba quais são os oito melhores filmes sobre esporte

Veja Mais Notícias Assim

Categorias: Botafogo, Flamengo, Futebol brasileiro, Brasileirão, campeonato brasileiro, Zé Ricardo, Treinadores, Jair Ventura, Base, Futuro

Luccas Paiva

Escrito por Luccas Paiva

Recent Posts

Lists by Topic

see all
New Call-to-action