<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=542815619221093&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

As 5 maiores revelações do Sport de todos os tempos

as-maiores-revelacoes-do-sport-de-todos-os-tempos.png

Crédito foto: Getty Images

Ao longo de sua centenária e tradicional vida, excepcionais jogadores passaram pelo clube, e muitos deles foram revelados no próprio Sport. Dentre tantos craques que surgiram na base do Leão, a escolha das maiores revelações é bastante difícil, das cinco então, mais ainda.

A escolha de quem são os melhores sempre vai gerar protestos, nesse caso, por sua vasta gama de opções, e diversos outros fatores, entretanto, estas discussões podem gerar conhecimento sobre grandes jogadores que fizeram história no Leão. Aqui está a minha lista das cinco maiores revelações do Rubro-Negro Pernambucano de todos os tempos. Veja se você concorda, discorda ou se acrescentaria outros nomes:

5° lugar – Juninho Pernambucano

Antônio Augusto Ribeiro Reis Júnior ou Juninho Pernambucano fez parte de uma geração que ganhou o Campeonato Pernambucano e a Copa do Nordeste de 1994 pelo Sport, se destacando bastante no meio-campo do time da Ilha. Logo em seguida, foi para o Vasco da Gama, onde virou ídolo, e conquistou títulos ainda maiores como a Copa Libertadores da América de 1998. Ainda obteve sucesso na França, sendo heptacampeão francês pelo Lyon e teve passagem pela Seleção Brasileira, chegando a disputar a Copa do Mundo de 2006.

juninho-e-ronaldo-copa-do-mundo.jpg

Crédito foto: Getty Images

4° lugar – Almir Pernambuquinho

Almir Morais de Albuquerque, atacante polêmico e revelado no clube na década de 50, só conquistou o Campeonato Pernambucano de 1956 pelo clube. Após isso, passou por diversas equipes, não apenas no Brasil, mas também na Argentina e Itália. Mesmo que tenha sido em um time do nosso país, no Santos, seu maior feito, substituir o Rei Pelé na final da Taça Intercontinental de 1963, sofrendo o pênalti que resultaria no único gol da vitória do Alvinegro Praiano, conquistando o título da competição. Almir chegou a Seleção Brasileira, graças ao seu grande futebol, porém devido a seu comportamento difícil, jogou poucos jogos pela mesma.

3° lugar – Manga 

Haílton Corrêa de Arruda é considerado por muitos o maior goleiro do futebol brasileiro, não à toa, o dia do goleiro é em sua homenagem, 26 de abril, data em que nasceu. Pelo clube, conquistou três títulos do Campeonato Pernambucano, porém apenas o terceiro, em 1958, como titular. Em 1959, Manga se transferiu para o Botafogo onde ficou por oito anos, se tornando ídolo do clube de General Severiano. Em 1971, ganhou a Copa Libertadores da América e a Copa Intercontinental de Clubes pelo Nacional – URU. Pela Seleção Brasileira, ele disputou a Copa do Mundo de 1966.

2° lugar – Vavá

Edvaldo Izídio Neto, o Peito de Açobicampeão da Copa do Mundo (1958 e 1962), grande ídolo da Seleção Brasileira, junto com Pelé e Companhia, sem dúvidas um dos maiores jogadores da história do futebol brasileiro. No Mundial de 1962, além de sair como vencedor da competição, Vavá ainda ganhou a chuteira de ouro, sendo um dos artilheiros da Copa daquele ano, com cinco gols marcados. Não foi apenas na Seleção Brasileira que o Seu Edvaldo brilhou, ele teve grandes passagens por vários clubes, no Brasil e fora do país, sendo, inclusive campeão espanhol da temporada 1965-66 pelo Atlético de Madrid. 

1° lugar – Ademir Menezes

O maior jogador que vestiu a camisa rubro-negra, uma lenda, imortalizado com uma estátua na frente da Ilha do Retiro. Ademir Marques de Menezes, também conhecido como “Queixada”, venceu o Campeonato Pernambucano de 1941 pelo Sport, sendo o artilheiro da competição com apenas 18 anos de idade. Em 1949, foi campeão da Copa América pela Seleção Brasileira, inclusive, sendo eleito o melhor jogador deste Sul-Americano, e em 1952 ganhou o Pan-Americano de futebol. Além desses dois títulos, ele jogou a famosa Copa de 1950, sendo o artilheiro da mesma com incríveis nove gols.

 

E aí, curtiu o nosso conteúdo? Comente e acompanhe mais notícias do seu esporte favorito no Esportudo.com!

Veja também:
Os 5 jogadores que mais vestiram a camisa de um clube nordestino
Você já ficou em casa por medo de brigas entre torcidas?
5 maiores erros de arbitragem contra clubes nordestinos no Brasileirão

Veja Mais Notícias Assim

Categorias: Sport, Futebol brasileiro, Futebol nordestino, revelações, Ídolos, maiores, Todos os tempos, maiores revelações, Juninho Pernambucano, Manga, Almir Pernambuquinho, Ademir Menezes, Vavá

Marcelo Barbosa

Escrito por Marcelo Barbosa

Apaixonado por futebol graças ao Sport Club do Recife, estudante de administração, fã dos mamonas assassinas e futuro estudante de jornalismo.

Recent Posts

Lists by Topic

see all
New Call-to-action